sábado, janeiro 09, 2016

DOCINHOS DE ABÓBORA

Eu bem que não queria fazer doce de chila, mas deram-me duas abóboras gila e lá chegou o dia. Desta vez segui mais ou menos esta receita (ver neste link o blogue Baú da Conceição). É sempre uma trabalheira, põe de molho, coze, escorre, lava... mas espero que tenha ficado bom, só vou provar lá mais para a frente. Deu poucos frascos, mas pronto, aproveitei as abóboras e também ainda guardei algumas sementes. Quem sabe semeie algumas chilas antes de provar o docinho de gila. E, logo a seguir, aproveitei uma enorme abóbora porqueira para fazer docinho de abóbora, juntando limão para depois o açúcar necessário para fazer a compota no ponto de conservação não começar a cristalizar. Foi na panela enorme, deu logo 30 frascos de doce, que entretanto já rotulei. Daqui a um par de meses está pronto para provar. Com nozes ou requeijão, parece-me que vai ser um sucesso. Quem se candidata a receber um frasquinho destes???

1 comentário:

Rui Natario disse...

Apesar de preferir gila, candidato-me na mesma. :-)